Skip to content

Existe pôr-do-sol na Lua?

by on 25/02/2013

Existe, sim. No nosso satélite, o Sol nasce e se põe normalmente, como acontece na Terra. A diferença principal é que, por lá, o fenômeno ocorre num intervalo de tempo muito maior. Compare: por aqui, o astro aparece e some mais ou menos a cada 12 horas. Na Lua, ele ilumina uma região qualquer por quase 15 dias! Dois motivos principais explicam esse curioso fenômeno. Primeiro, o tempo que a Lua demora para dar uma volta em torno do seu eixo é muito maior que o da Terra. Enquanto o planeta completa uma rotação a cada 24 horas, o satélite demora pouco mais de 27 dias para finalizar seu giro. “Mas essa característica, isoladamente, não explica o fenômeno. No final da rotação, o Sol ainda não ilumina o mesmo ponto lunar do início”, diz o astrônomo Roberto Boczko, da Universidade de São Paulo (USP).

Isso só vai ocorrer quando o satélite completar o intervalo entre duas fases iguais da Lua – o período entre duas luas cheias, por exemplo. Esse espaço de tempo, chamado de lunação, dura cerca de 29,5 dias terrestres e equivale ao “dia” lunar (acompanhe no quadro). Para os astronautas, conhecer esses detalhes sobre o pôr-do-sol na Lua foi fundamental no planejamento das missões tripuladas que exploraram o satélite . “Para evitar o calor ou o frio intenso, ninguém passou mais de dois dias por lá. Além disso, todos os pousos ocorreram em áreas de Sol nascente ou poente, quando as temperaturas são amenas. Repare como as imagens do homem na Lua possuem sombras compridas, como no nosso fim de tarde ou de manhã”, diz Roberto.

Noite fria, dia escaldante
Dependendo da posição do Sol, temperatura no satélite varia até 250 ºC 

TÉDIO TERRESTRE

Para uma pessoa que visse a Terra da Lua, a impressão seria de um planeta imóvel no céu. Isso porque o satélite fica sempre com a mesma face voltada para a Terra. Entretanto, a Lua não está parada: o segredo é que ela dá uma volta completa em torno do seu eixo no mesmo período em que finaliza seu giro em volta da Terra, em pouco mais de 27 dias

ESCURIDÃO TOTAL

Como a Lua não tem atmosfera, o céu do satélite é sempre preto, mesmo que o Sol esteja brilhando. Pela mesma razão, as estrelas perdem as pontinhas e surgem como círculos luminosos. Na Terra, essa cintilação só ocorre porque os raios de luz sofrem rápidas variações de direção causadas pelos ventos e pelas gotinhas de água que compõem o ar

1. Em um ponto qualquer da Lua, um dia se inicia com temperaturas amenas e com o Sol despontando no horizonte. A principal diferença em relação à Terra é que essa cena só vai se repetir 29,5 dias depois…

2. O “meio-dia” lunar acontece pouco depois de uma semana do Sol nascer. Com o Sol a pino, a temperatura na superfície do satélite ultrapassa os 100 ºC por causa da ausência de atmosfera

3. Quase 15 dias depois de nascer, o Sol se põe e a temperatura começa a cair. Pouco mais de sete dias depois, a situação se inverte: é o momento de breu total, a “meia-noite” lunar. Nessa hora, o frio é enorme e os termômetros marcam -150 ºC

Mundo Estranho esse nosso, né?

From → Ciências, Física

Leave a Comment

Comente

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: